Portugueses no Japão
 
  • Como sabes, no século XV e XVI os portugueses foram grandes exploradores dos mares e foram muito poucos os sítios onde não foram os primeiros europeus a serem vistos por esses lugares.

  • Ora, os portugueses chegaram ao Japão em meados do século XVI (1543), tendo sido relativamente bem recebidos pelos habitantes locais.

  • Nessa época os japoneses tinham uma sociedade feudal. Os grandes senhores donos das terras dedicavam-se à arte da guerra e tinham no seu exército os mais famosos samurais (guerreiros japoneses) de sempre no Japão.

  • Sabias que, apesar de serem muitos poderosos e conhecedores de muitas técnicas de luta com armas e com as mãos, os samurais não eram ninguém sem os seus daimios (donos das terras e seus senhores)?

  • E sabias que os samurais que não deviam fidelidade a ninguém se chamavam ronin? O nome veio de um samurai famoso que se chamava assim. Anos mais tarde apareceram muitos outros, mas esses eram considerados bandidos!

  • É que o código de honra (o bushido, que significa "o modo de vida do guerreiro") é uma das coisas mais importantes para os japoneses. E respeitar esse código significava dar a vida por ele se fosse preciso!
    Um homem sem honra era um homem que vivia também em vergonha e isso era inaceitável. Por isso muitas vezes suicidavam-se para morrer com honra (cometiam o ritual chamado hara-kiri).

  • Quando os portugueses chegaram ao Japão, descobriram que aquela terra tinha muitas riquezas que interessavam a vários povos da Europa.
    Descobriram também que apesar da guerra ser muito importante para eles, não conheciam ainda as armas de fogo.

  • Desta forma, estabeleceram-se desde logo relações comerciais entre os dois povos, nomeadamente a troca da seda chinesa por prata japonesa.

  • Mas os japoneses ficaram muito entusiasmados com as armas de fogo. Estas serviam também como moeda de troca, tal como o tabaco (que era usado como produto medicinal).

  • Em 1550, o monopólio das viagens ao Japão passou a pertencer às autoridades portuguesas de Goa.

  • Sabias que os primeiros portugueses a chegar ao Japão eram aventureiros particulares, não estando ao serviço do "Governo do Estado da Índia" português?
    Os japoneses ficaram com a impressão que os europeus eram pessoas bárbaras!

  • É que apesar de serem mais avançados tecnologicamente, eram muito atrasados em termos culturais, em comparação com o Japão. Por exemplo: não tinham um código de honra (tão rígido e cumprido), não tomavam banho nem andavam limpos (lê o texto sobre "A História do Banho") e comiam com as mãos!
 

 


 
Política de Privacidade | Termos de Utilização | Quem Somos
- 2001 © Texto Editores - Todos os Direitos Reservados.