Poluição Marítima


  • Como sabes, a poluição resulta da actividade humana que suja e contamina o Ambiente.

  • Apesar de os oceanos serem muito grandes, eles também ficam poluídos pela actividade do Homem.
    E se há muitos anos atrás se pensava que não havia problema em sujar as águas, hoje em dia a poluição é bastante visível.

  • Por exemplo, os efeitos da poluição nas espécies marinhas e também no Homem são muitos e os mais graves são as doenças.

  • O Homem enche o mar de «contaminantes» que, pelo efeito das ondas, são arrastados para as areias dos estuários e baías. Esses «contaminantes» são depois absorvidos por animais que fazem parte da cadeia alimentar.

  • Ou seja, apesar de parecer que não, a poluição afecta-nos a todos.
    Apesar de não bebermos a água do mar, tomamos banho nela e alimentamo-nos de peixes que podem estar contaminados.

    Em pouco tempo as doenças passam também para nós!

  • É claro que não é só o Homem que polui, todos os animais deixam o seu «lixo» no ambiente, a diferença é que nós o fazemos numa quantidade tão grande que a Natureza não consegue «limpar».

  • Desta forma, estamos a arruinar um dos bens mais preciosos que existem no nosso planeta: a água.

  • A poluição das reservas e das fontes é o grande problema para o futuro abastecimento do planeta de água potável. A acumulação de lixo junto às nascentes e a infiltração de fertilizantes no subsolo contaminam as nascentes, poluindo uma riqueza que não tem preço.

  • Nas grandes cidades, o despejo de esgotos e detritos industriais no mar e nos rios também é uma grande ameaça.

  • Quando puxamos o autoclismo da casa-de-banho, não pensamos para onde é que a água suja está a ir.
    Se não for tratada numa estação de tratamento pode causar grandes estragos no oceano!

  • Nesses locais (as ETAR - Estações de Tratamento de Águas Residuais) usam-se produtos químicos que separam a sujidade da água, que pode assim seguir o seu ciclo sem poluir o meio ambiente.

  • Muitas indústrias (ainda) lançam nas águas os resíduos da sua produção, sem os tratar. Algumas vezes são resíduos tóxicos (e malcheirosos) que destroem a vida dos rios e que acabam por chegar aos mares.


    Os derrames de petróleo

  • Outro grande problema, talvez o que provoca um impacto mais visível, é o derramamento petróleo nas águas do mar.

  • Normalmente estes derramamentos são acidentais e acontecem quando os grandes petroleiros têm problemas ou afundam.

  • O mais grave da questão é que muitas vezes há derramamentos propositados!
    Os navios decidem fazer a limpeza dos seus porões de petróleo em alto mar, o que é altamente proibido, mas muito mais barato do que fazê-lo num porto.

  • E o que é que acontece quando há um derramamento?
    Acontece o que viste na televisão no fim de 2002 com o navio «Prestige»: as plantas, aves, mamíferos, peixes e crustáceos que habitam na zona (Galiza, em Espanha) foram afectados pela maré negra do petróleo.

  • Por causa da maré negra, os seres vivos morrem intoxicados.

  • E se pensas que as aves conseguem fugir, estás muito enganado. Elas mergulham para caçar peixes e depois, com o peso do crude (o nome do petróleo em bruto) nas asas já não conseguem levantar voo.

  • Mas este mar poluído também não é bom para nós: fica impróprio para banhos ou mergulhos. Tomar banho numa praia suja pode deixar as pessoas doentes.

  • Sabias que apenas uma gota de óleo pode destruir centenas e centenas de litros de água potável?
 

 


 
Política de Privacidade | Termos de Utilização | Quem Somos
- 2001 © Texto Editores - Todos os Direitos Reservados.