São Pedro - o santo popular
 
  • Mas afinal o que é que este Santo, com mais de 2 mil anos, tem a ver com as tradições que hoje são festejadas em seu nome por quase todo o mundo?

  • Afinal, São Pedro era uma pessoa muito séria, que fazia milagres e foi o primeiro Papa cristão.

  • Este santo é invocado (a quem se pede ajuda) pelos crentes por muitas razões:

    - É protector dos pescadores e guarda as portas do Céu. É aliás, por essa razão que é apresentado com as suas longas barbas brancas e um molho chaves na mão.

    - Segundo a crença popular, São Pedro é também muitas vezes responsabilizado pelo estado do tempo, nomeadamente pela ausência ou abundância de chuva.

    - O dia dedicado a São Pedro é 29 de Junho que marca o fim das festas dos "Santos Populares".

  • É a partir desta data que se explica o facto de São Pedro ser um dos "Santos Populares". Mais uma vez tudo tem a ver com as tradições pagãs e com os rituais do início do Verão.

  • Se não chove, pede-se a São Pedro para tratar do assunto para que as colheitas não morram de sede.
    Se o problema é trovoada, reza-se ao Santo para ele se acalmar, porque com certeza está num dia de mau humor!
    Se há tempestade no mar, pede-se a São Pedro que ajude os seus colegas pescadores. E assim por diante.

  • Tal como Santo António e São João, este homem é visto como casamenteiro e um dos santos do Verão, que todas as pessoas adoram.

  • É Santo padroeiro de tudo e mais alguma coisa:
    - De pessoas em delírio, com problemas nos pés, com febres e dos idosos.
    - Mas também dos padeiros, dos construtores de pontes, dos homens do talho, dos relojoeiros, sapateiros, pescadores, agricultores e construtores de barcos e redes.

  • Ufa! Não há santo que aguente!

 

 


 
Política de Privacidade | Termos de Utilização | Quem Somos
- 2001 © Texto Editores - Todos os Direitos Reservados.