Crocodilo
 
 

  • Os crocodilos existem um pouco por todo o hemisfério sul, uma vez que não se adaptam bem ao frio. Encontram-se em rios, lagos e pântanos. Alguns, como os australianos, habitam as áreas costeiras e vivem muito bem na água salgada.

  • A cabeça, o pescoço e o tronco dos crocodilos estão cobertos por placas córneas como as dos seus antigos primos dinossauros. Os crocodilos nadam com a ajuda da sua poderosa cauda, movendo-se na água (quando querem) a uma grande velocidade.

  • Em terra, apesar das patas curtas, também se movem surpreendentemente depressa. Imóveis, parecem troncos flutuantes, o que engana as vítimas até ser demasiado tarde.

  • Os crocodilos jovens alimentam-se de pequenos animais e de peixes que encontram. Já em adultos, alguns com cerca de 6 m de comprimento (tão grandes como 4 miúdos de 10 anos uns em cima dos outros) são ferozes predadores, alimentando-se de peixes, tartarugas, aves aquáticas, antílopes, zebras, grandes animais domésticos e homens.


  • Os dentes, poderosos, são utilizados para dilacerar as presas!

  • Sabias que os crocodilos quando caçam não comem logo a presa? Por mais nojento que pareça, gostam de comer a carne já meio apodrecida, que é quando está mais mole. Por isso levam-na para o fundo do rio e deixam-na lá (presa) uns tempos a "amolecer". Só depois fazem o festim.

  • Quando acabam de comer, a digestão provoca-lhes lágrimas que escorrem pelo focinho (mas são de contentamento). Daí a expressão "lágrimas de crocodilo", quando a pessoa finge que está arrependida de alguma coisa e realmente não está.

  • O macho segue a fêmea, discretamente, na água, e só se aproxima se perceber que será bem recebido. O ninho é feito com lama e vegetação apodrecida, num local abrigado, próximo da margem, onde a fêmea deposita 20 a 50 ovos, que têm um período de incubação de 3 meses.

  • A mãe crocodilo acompanha os filhotes durante cerca de 2 anos. (O que não impede que sejam comidos por outros crocodilos adultos, se os apanharem a jeito...)

  • Os crocodilos têm sido sujeitos a caça intensa desde o séc. XIX, para o comércio da sua pele, muito apreciada para sapatos e malas. Só em meados do séc. XX, por volta de 1960, é que começou a ser publicada legislação para protecção da espécie.

  • Na longínqua época dos dinossauros, há uns 140 milhões de anos, os crocodilos chegaram a medir 30 metros de comprimento! Actualmente, embora mais pequenos, são os maiores répteis existentes na Natureza. O tamanho (excepcionalmente) chega a ultrapassar os 8 metros de comprimento e vivem até aos 80 anos.
 

 


 
Política de Privacidade | Termos de Utilização | Quem Somos
- 2001 © Texto Editores - Todos os Direitos Reservados.