Tratar das Embalagens


  • O Homem é o único ser vivo que cria coisas e, assim, transforma o meio em que vive. De tal maneira, que algumas das coisas que criou foram tão complexas que "se voltaram" agora contra ele próprio e contra o Ambiente, que é a casa de todos nós.
    Sim, estamos a falar da poluição...

  • O Homem foi demasiado precipitado a inventar coisas e a criá-las, que nem pensou no que podia acontecer quando essas coisas deixassem de lhe servir ou se estragassem...

  • Em resumo, usou os recursos até quase os esgotar e não criou soluções para reduzir os efeitos negativos que causou ao Ambiente.
    A parte boa disto tudo, é que agora, ao dar-se realmente conta da gravidade da situação, estamos todos a tentar inverter as coisas...

  • As embalagens são um exemplo de um problema ambiental.

  • O fabrico de embalagens de vários tipos gerou grandes consumos (industriais) de energia e de matérias-primas (os materiais necessários para fazer ou fabricar coisas), mas nós todos podemos ajudar a recuperar um pouco o mal feito e que ainda se faz.

  • Aqui entram os três "R" amigos do Ambiente:
      - Reduzir
      - Reutilizar
      - Reciclar

  • E como? É fácil. Assim:

      - Reduzir as embalagens pode ser: preferir as embalagens familiares às individuais (que gastam mais matéria-prima desnecessariamente); preferir as reutilizáveis (que se reciclam ou reutilizam); utilizar recipientes próprios (quando possível).
      - Reutilizar as embalagens nem precisa de ser explicado, e até pode ser mais do que isso: podem-se reutilizar as embalagens para o mesmo fim ou podem-se descobrir utilidades novas para elas! (Claro que não estamos a falar de usar uma embalagem de limpa-tudo para pôr sumo!)
      - Reciclar: é tarefa de todos nós ter a consciência de colocar as embalagens vazias nos locais certos para reciclagem!

  • Algumas informações e números:
      - Se se introduzir 10% de vidro velho no fabrico de vidro novo, poupa-se 25% da energia!
      - Por cada tonelada de vidro feito a partir de vidro reciclado economizam-se 1,2 toneladas de matéria-prima! Isto é importante sobretudo pela areia (sim, o vidro faz-se também com areia, que se extrai dos rios)!
      - De quase tudo se pode aproveitar tudo, têm é de se separar os componentes e garantir que são reciclados.
 

 


 
Política de Privacidade | Termos de Utilização | Quem Somos
- 2001 © Texto Editores - Todos os Direitos Reservados.